Panorama e Desafios

O Ecoturismo é o Turismo realizado de forma responsável, respeitando e envolvendo as comunidades locais, oferecendo experiências sustentáveis no meio ambiente, valorizando a cultura e a história dos lugares. Deve também criar uma consciência ambientalista nos visitantes!

Existem diversas definições relacionadas ao tipo de Turismo praticado e as suas segmentações (Turismo de Lazer, Turismo de Sol e Praia, Turismo Cultural, Ecoturismo, etc.), com uma ampla gama de conceitos que caracterizam as diversas formas de interação do viajante com os destinos turísticos e os tipos de atividades que desenvolve nesses locais.

No caso do Ecoturismo, muitas vezes os conceitos e práticas se sobrepõem a outras formas de Turismo, como o Turismo de Aventura, Turismo de Natureza, Turismo Sustentável, dentre outros.

Contudo, para o mundo prático dos empreendedores e gestores podemos considerar que a discussão dos diferentes conceitos não seria tão relevante, mas torna-se importante que tenham uma visão sistêmica da atividade de forma pragmática, direcionando esforços para oferecer serviços para a exigente demanda do mercado que busca sustentabilidade, qualidade e segurança.

De forma alguma, desconsidera-se a importância dos conceitos e da adequada aplicação de parte das premissas técnicas no desenvolvimento de destinos e empresas turística de forma sustentável.

No Portal Sebrae de Ecoturismo os conteúdos são pensados em uma visão mais ampliada, considerando que as pessoas buscam experiências de viagens para ter contato com a natureza, com maior ou menor intensidade, desde aqueles mais contemplativos do meio natural, até aos praticantes de Ecoturismo e Turismo de Aventura, bem como os apreciadores do Turismo Rural.

Assim, o importante são os princípios que regem as atividades relacionadas com o Ecoturismo e o Turismo de Natureza:

Conservar a natureza, os ativos ambientais e as áreas protegidas visitadas;
Valorizar e envolver verdadeiramente as comunidades locais no desenvolvimento turístico; 
Oferecer experiências que buscam conscientizar sobre as questões sociais e ambientais; 
Assegurar que as experiências sejam realizadas de forma segura para todos os envolvidos;
Gerar benefícios econômicos para as áreas naturais, comunidades e para empreendedores.

 

Desafios para o Ecoturismo

 

Com estes princípios como referência podemos elencar os desafios para que os destinos e as empresas tenham êxito no desenvolvimento do Ecoturismo:

Segurança em primeiro lugar - as atividades na natureza oferecem riscos que devem ser considerados e gerenciados de acordo com as boas práticas internacionais (veja mais sobre as normas ISO e ABNT nas Trilhas de Conhecimento). Equipes treinadas, procedimentos estabelecidos e planos para atender emergências estão entre os critérios que devem ser seguidos e respeitados.

 

Conciliar conservação e desenvolvimento - o Turismo é um setor econômico que gera impactos no destino. Torna-se essencial encontrar um modelo de desenvolvimento turístico que seja sustentável, gerando ocupação e renda para a comunidade local, resultados econômicos e financeiros para o empreendedor e o fortalecimento da conservação da natureza.

 

Valorização das áreas naturais - o palco das experiências do Ecoturismo está nas áreas naturais, em especial nas reservas públicas ou privadas. Envolver os gestores das áreas no planejamento do Turismo, gerar benefícios financeiros para a conservação, encontrar a escala adequada de visitação para determinada área, são alguns dos passos essenciais a serem realizados pelas lideranças dos destinos turísticos.

 

Envolver e qualificar a comunidade local - o Ecoturismo deve ser feito com o envolvimento da comunidade local. O seu planejamento e implementação deve considerar ações de envolvimento e de construção das capacidades locais para se tornarem anfitriões e receberem bem os visitantes, com programas de treinamento, qualificação e educação nas diversas áreas do Turismo.

 

Desenvolver um ambiente de parceria entre o setor público e o setor privado - o Ecoturismo demanda uma articulação entre o governo que representa a sociedade e o setor privado que busca empreender e atrair visitantes para o destino. O Turismo deve ser percebido como uma atividade de valor e que traz benefícios de forma integral a toda comunidade, sem privilégios a pequenos grupos. Assim, é preciso implementar boas práticas de governança no destino, associativismo e políticas públicas apropriadas para o setor de Ecoturismo.

Conhecer bem o seu cliente e encontrar os seus diferenciais competitivos - para que a experiência do Ecoturismo seja bem sucedida e consiga prosperar num mercado altamente competitivo torna-se essencial definir com clareza o seu mercado consumidor, desenhar bem o tipo de experiência, encontrar os diferenciais com foco em autenticidade, qualidade, sustentabilidade e segurança. 

 

Exemplos de atividades de Ecoturismo

 

Abaixo listamos exemplos de algumas atividades de Ecoturismo e Turismo de Aventura mais oferecidas e buscadas nos destinos do Brasil e em outros países do mundo:

 

Mais informações estão disponíveis nas Trilhas de Conhecimento e na Midiateca desta plataforma. Cadastre-se e navegue conosco pelo conteúdo completo.

 

FAÇA PARTE

Participe agora mesmo do Portal Sebrae de Ecoturismo e tenha acesso a maior plataforma online com conhecimentos, boas práticas e oportunidades no Turismo Sustentável. É totalmente gratuito e fácil para empreendedores, gestores e profissionais que atuam nos destinos brasileiros.

Quero participar